Coren-SP e CRF-SP planejam ações conjuntas buscando regularizar a dispensação de medicamentos – Coren-SP

Coren-SP e CRF-SP planejam ações conjuntas buscando regularizar a dispensação de medicamentos

Representantes do Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo (CRF-SP) estiveram na sede do Coren-SP, na Capital, na tarde desta quinta-feira (26/4), para uma reunião na qual discutiram ações conjuntas buscando regularizar a dispensação de medicamentos, que em muitas unidades de saúde é realizada de maneira irregular por técnicos de enfermagem. Por lei, a dispensação de medicamentos é privativa do profissional farmacêutico. 

Renata Pietro, presidente do Coren-SP, destacou que a dispensação irregular de medicamentos prejudica a qualidade da assistência à população e priva o técnico de enfermagem de exercer o cuidado ao paciente

Na reunião, foram planejadas ações conjuntas de fiscalização a unidades de saúde em todo o estado de São Paulo, além de parcerias em ações de comunicação, entre outras.

“O técnico de enfermagem está no seu posto de trabalho para exercer o cuidado ao paciente. Além desse profissional não ter conhecimento específico para dispensar medicamentos, ao contrário do Farmacêutico, essa situação irregular acaba privando os pacientes de ter uma assistência de enfermagem adequada, pois retira o técnico de enfermagem do cuidado”, disse Renata Pietro, presidente do Coren-SP, após a reunião.

Na reunião foram discutidas ideias de parcerias na fiscalização, em ações de comunicação e outras

Marcos Machado Ferreira, presidente do CRF-SP, fez uma avaliação das propostas de parceria entre o dois Conselhos: “foi uma reunião extremamente proveitosa. Uma parceria entre o CRF-SP e o Coren-SP tem uma importância significativa para a sociedade e para a saúde pública. Juntos temos mais força para cobrar do gestor público a execução da função correta de cada profissional”, destacou.

O vice-presidente do Coren-SP, Cláudio Silveira, também valorizou a parceria e o valor que ela agrega aos profissionais de saúde: “a aproximação entre Conselhos de Fiscalização Profissional para a realização de ações em parceria quebra um paradigma na área da saúde. A partir do momento em que você une dois Conselhos, os profissionais são beneficiados e a própria população também”, colocou.

Participaram da reunião, representando o Coren-SP, a presidente da autarquia, Renata Pietro, o vice-presidente, Cláudio Silveira, a gerente de fiscalização, Lanny Hino, o procurador jurídico, Alexandre Cerqueira e a fiscal Maria Angélica Rosin.

Representando o CRF-SP, estiveram presentes o presidente, Marcos Machado Ferreira, a diretora-tesoureira, Danyeli Marini, a assessora de relações institucionais, Raquel Rizzi, o procurado jurídico, Roberto Tadau, o gerente de fiscalização, Onofre Pinto.