Representantes do Hospital das Clínicas da USP apresentam projeto de otimização do atendimento

A Gerência de Fiscalização do Coren-SP (GEFIS) recebeu na tarde desta segunda-feira (10) a visita de gestores do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (HC-FMUSP), que vieram apresentar o projeto “Emergência Referenciada”.

O projeto é uma resposta do HC à superlotação de seu Pronto-Socorro

O projeto visa otimizar os processos de recepção e encaminhamento de pacientes e foi apresentado aos coordenadores e fiscais do Coren-SP, Maria Angélica Rosin, Celina de Jesus Vitor, Vera Alves, Camila Schwendler, para o gerente executivo da fiscalização, Vagner Urias e para a gerente jurídica da autarquia, Janaína Varalli. 

Os representantes do HC na apresentação foram as enfermeiras Solange Fusco, Eloisa Bonfá e a médica Amanda Cardoso Montal.

Fiscais e coordenadoras da Gerência de Fiscalização do Coren-SP, responsáveis por fiscalizar a área da qual o HC-FMUSP faz parte, acompanharam de perto a exposição

“O projeto apresentado é visa responder à superlotação do Pronto-socorro do HC, que acaba levando prejuízo à assistência além de contribuir para condições inadequadas de trabalho da equipe de enfermagem”, comentou Vagner Urias ao fim da reunião. 

Fiscais, funcionários do Coren-SP e gestores do HC participantes da reunião

O projeto “Emergência Referenciada” tem foco no paciente grave, de acordo com a vocação do Hospital das Clínicas, que é o atendimento a doentes de alta complexidade.