Coren-SP entrega máscaras N95 em hospitais públicos de Presidente Prudente e Sorocaba

O Coren-SP segue distribuindo as 8.800 máscaras N95 disponibilizadas pelo Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) para instituições de saúde públicas com demanda por Equipamentos de Proteção Individual. O objetivo é contribuir com condições mais seguras de atuação para a categoria em meio à pandemia.

Na última segunda-feira (18/5), a chefe técnica da subseção de Presidente Prudente, Juliana Gouvêa, realizou entregas no Centro de Saúde de Lucélia, no Hospital Municipal de Iepê e no Hospital Regional de Presidente Prudente.

Centro de Saúde de Lucélia

Hospital Municipal de Iepê

Hospital Regional de Presidente Prudente

A fiscal Silvia Wada realizou uma inspeção no Pronto Atendimento de Palmeiras, em Suzano. Após verificar a disponibilidade de EPIs, ela efetuou a entrega das máscaras.

Pronto Atendimento de Palmeiras

Nesta terça-feira (19/5), a chefe técnica da subseção de Itapetininga, Gláucia Maria Machado de Almeida, esteve no Conjunto Hospitalar de Sorocaba para realizar as entregas e foi recebida pelo gerente de enfermagem e responsável técnico, Flávio Gonçalves, a assistente da gerência de enfermagem, Roseli Zacharias, e pela enfermeira de Educação Permanente, Cláudia Soler.

Conjunto Hospitalar de Sorocaba

Para estabelecer os critérios de entrega, a Comissão de Gestão de Crise Covid-19 do Coren-SP levantou as instituições a partir das denúncias recebidas e, também, determinou que sejam instituições públicas, com atendimento referenciado de Covid-19, com foco em UTIs e Pronto Socorro. Assim, a fiscalização realiza a inspeção e conferência e, se realmente é constatada a falta de EPIs, os fiscais fazem a entrega.