Ribeirão Preto sedia evento da Semana da Enfermagem – Coren-SP

Ribeirão Preto sedia evento da Semana da Enfermagem

A Semana da Enfermagem promovida pelo Coren-SP está percorrendo todas as regiões de Estado, do interior ao litoral. Na última quarta-feira (24) foi a vez de Ribeirão Preto, que contou com a participação da presidente do Coren-SP, Fabíola Campos, na mesa de abertura.

Mesa de abertura reuniu representantes de universidades, poder público, instituições e a presidente do Coren-SP, Fabíola Campos 

O tema abordado neste ano é “Enfermagem na Linha de Frente Transformando o Cuidado” e, com base nele, o Coren-SP criou a campanha “Enfermagem Faz Parte da Vida”, com o objetivo de mostrar para sociedade a importância da enfermagem nas diversas fases da assistência. Durante a abertura oficial do evento, a presidente destacou o momento único que a autarquia está vivendo, com a abertura de espaços de participação e diálogo, a exemplo da organização da Semana da Enfermagem, promovida por uma comissão organizadora em cada subseção, constituída por representantes de diversos setores, como instituições e universidades. “Essa inserção dos profissionais nos debates sobre a construção da nossa profissão está fazendo a diferença e o Coren-SP está, nos últimos anos, incentivando esse protagonismo, buscando a valorização e o reconhecimento da categoria”, disse Fabíola.

A enfermeira Jane Aparecida Cristina representou a Secretaria de Saúde de Ribeirão Preto e falou sofre as dificuldades enfrentadas nesse momento de instabilidade que o país atravessa. “Estamos passando por uma fase difícil no Brasil, mas temos que seguir em frente com clareza, cientes do nosso papel”, disse. 

Já a enfermeira Janaína Aparceida Tintori, representou o Departamento Regional de Saúde de Ribeirão Preto (DRS XIII). Ela enalteceu a atuação da enfermagem à frente do cuidado. “Somos o alicerce da saúde e, sem enfermagem, não se tem assistência. Precisamos renovar as epseranças para enfrentar os desafios”, afirmou. 

Tmabém integraram a mesa de abertura a diretora da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (USP), Silvana Martins Mashima; a coordenadora do curso de enfermagem da UNAERP, Silvia Sidneia da Silva; a Responsável Técnica do do Serviço de Enfermagem do Hospital Estadual Américo Brasiliense, Maria Cristina Simões Flório; e a assistente técnica de saúde III do Centro Interescolar do HC da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP), Kátia Prado Ribeiro. 

Após a mesa de abertura a presidente do Coren-SP e a conselheira suplente Rosemeire Carvalho homenagearam a enfermeira Maria Helena Yasuko Cologna e a técnica de enfermagem Marli Batista de Sousa, pela dedicação à assistência prestada na região e pela atuação de destaque na enfermagem. 

Fabíola Campos, Maria Helena Yasuko e Rosemeire Carvalho 

 

Palestras 

Após abertura oficial, o evento seguiu com palestras sobre temas relevantes na atuação da enfermagem. Fabíola Campos abordou  “A Enfermagem na linha de Frente Transformando o Cuidado”. Além de mostrar a importância da categoria em todas as fases da vida das pessoas, desde o nascimento até a morte, ela também falou sobre os desafios. “Muitas vezes a enfermagem assume funções que são de outras áreas. Não podemos confunfir as práticas colaborativas, que são muito importantes para a qualidade da assistência, com fazer de tudo. A colaboração deve ser recíproca entre as profissões”, alertou. 

A presidente também expôs os novos papeis que a enfermagem vem assumindo nas diversas áreas do cuidado, como o parto humanizado. “Muitos profissionais capacitados para a realização de partos têm dificuldade de ingressar nessa área, devido às barreiras impostas nas instituições, e acabam prestando essa assistência apenas de forma indireta”, relatou. Ela também citou os desafios no Atendimento Pré-Hospitalar, em que a enfermagem vem assuimindo um protagonismo, e a necessidade de regulamentação. 

Carla Tostes falou sobre as novas áreas de atuação do enfermeiro 

A enfermeira Responsável Técnica do Instituto Oncológico de Ribeirão Preto, Carla Tostes,  também palestrou sobre “As novas áreas de atuação do enferemeiro”. O tema “Saúde mental e a assistência de enfermagem: discussões sobre as principais práticas e o cuidado destinado a populações específicas” foi abordado por Larissa Esper Horta, enfermeira em pesquisa clínica no HC da USP de Ribeirão Preto. 

Larissa Esper palestou sobre saúde mental