Hospital Sepaco tem nova Comissão de Ética de Enfermagem – Coren-SP

Hospital Sepaco tem nova Comissão de Ética de Enfermagem

Foi empossada, na manhã de quarta-feira (13), a nova Comissão de Ética de Enfermagem (CEE) do Hospital Sepaco, na Vila Mariana. O Coren-SP foi representado, na cerimônia, pelos conselheiros Paulo Cobellis e Iraci Campos, recepcionados pela gerente de Enfermagem das Unidades Assistenciais do hospital, Angela Petrosino, e pelo enfermeiro de Educação Continuada, Everson José Rodrigues Gomes.

O conselheiro Paulo Cobellis detalhou a atuação da Comissão de Ética de Enfermagem

Ao saudar os conselheiros, Angela lembrou a todos do importante trabalho desempenhado pelos membros da comissão de ética. “É preciso disposição cumprir suas atividades diárias e ir além, dedicando-se um pouco mais ao próximo”, destacou.

A gerente de Enfermagem das Unidades Assistenciais do hospital Sepaco, Angela Petrosino

O professor Cobellis disse que a CEE deve atuar, principalmente, de forma educativa e preventiva. “Ela não existe para penalizar ou punir os profissionais. Sua finalidade maior é esclarecer os fatos”, pontuou. 

O caráter consultivo, conciliatório e fiscalizador também foi lembrado pelo conselheiro. “A comissão precisa agir de forma pró-ativa, com capilaridade, interagindo com todos os serviços que tenham interface com a equipe de Enfermagem. Só assim serão corrigidas falhas no processo”, recomendou.

A conselheira Iraci Campos falou dos benefícios da CEE para toda a categoria

A conselheira Iraci disse que a CEE é uma extensão do Coren-SP e deve ser uma referência para os profissionais. “Vocês devem ver a comissão de ética como uma parceira, uma aliada dos enfermeiros, técnicos e auxiliares de Enfermagem”.

Os conselheiros Paulo Cobellis e Iraci Campos e a nova CEE do Hospital Sepaco

Após a posse, a nova presidente da CEE do Hospital Sepaco, enfermeira Adelaide Alves, desabafou. “Sentimos cada vez mais necessidade de ética: na política, na saúde e na educação. Nosso objetivo é fomentar a ética dentro da instituição’, garantiu.
 

Os participantes da cerimônia: membros da CEE, gestores do hospital e conselheiros